7 de agosto de 2009

DUBLADOR EM FOCO (60): ÁUREA MARIA


"Falar sobre seres humanos é muito difícil; falar sobre anjos!
Os estúdios da A.I.C., palco de indescritíveis espetáculos da sétima arte - nas telas da TV e fora delas - presenciaram e aplaudiram uma das mais brilhantes estrelas que por ali passaram: Áurea Maria.

Expressão máxima do carinho, da simpatia, do amor ao próximo, da capacidade de sentir e do brilho na interpretação dos personagens que encarnava frente à tela de dublagem, essa moça deu verdadeiros shows de interpretação, de humanidade, de coleguismo e de amizade!

Uma das mais belas vozes femininas do maior cast de dublagem do Brasil, mesmo em comparação com os dias atuais, ao lado de Líria Marçal, Sandra Campos e Elaine Cristina, era ela quem dava o tom do sensualismo doce, meigo e respeitoso, quando o tema era romance.

Áurea Maria tinha o dom de emocionar, dentro e fora dos estúdios; era única!

Mas não foi só no velho Templo de Dublagens que o brilho mágico da voz de Áurea Maria acariciou os tímpanos do grande público; na Odil Fono Brasil, na Rádio Mulher, em estúdios de radioteatro e em inúmeros estúdios de agências publicitárias onde eram gravados comerciais importantes, para a televisão, Áurea era presença obrigatória no cadastro de profissionais preferenciais.

Rebeca - mulher de Daniel Boone - foi um dos grandes trabalhos da atriz que, com seu virtuosismo agigantou o trabalho originalmente singelo desempenhado pela atriz Patrícia Blair; mas foram tantos os momentos importantes de Áurea Maria emprestando voz e talento a atrizes famosas de todo o mundo, que seria impossível enumerá-los todos.



**A voz suave de Áurea Maria para Rebeca Boone**



No entanto, quem curtiu há de lembrar muito bem das suas brilhantes participações em Daniel Boone, Chaparral, Perdidos no Espaço, E as Noivas Chegaram, Terra de Gigantes, Lancer, Jornada nas Estrelas, Big Valley e... um sem número de atrizes convidadas, em grandes produções do cinema.

Na vida pessoal, longe dos microfones e das telas, Áurea Maria mantinha – naturalmente – o mesmo perfil, o mesmo bom humor, a boa índole e o hábito de dar, sempre, ótimos exemplos; arrimo de família, fazia dessa missão um preito de amor incondicional à sua mãe e à sua irmã e quem a conheceu jamais a viu reclamar ou desistir da luta; talvez por esse motivo e por essa determinação de entrega total à missão recebida do Alto, jamais tenha se casado.

Áurea Maria deve figurar com destaque na galeria das grandes personalidades da arte de interpretar dublando.

Por mais que algumas das grandes distribuidoras insistam nesse anonimato maroto que têm imposto aos atores de dublagem no Brasil, Áurea Maria não cabe no espaço pequeno, insalubre e mesquinho que elas têm procurado designar a quem tem dado alma aos seus grandes lucros na mídia.
A bênção, Áurea Maria!"

***Texto de Arquimedes Pires Estrázulas****


 Muito Obrigado pela colaboração!
** ÁUREA MARIA COMO "A MOÇA DO TEMPO" / TV CULTURA - SP / 1970

*****ALGUNS ESCLARECIMENTOS*****


**Na  AIC, além das inúmeras participações citadas, teve como personagens fixos:

Rebecca Boone / Judy Robinson (2ª voz) a partir do final da 2ª temporada de Perdidos no Espaço.
 
 Na série Big Valley dublou Audra, a personagem de Linda Evans (2ª voz).


Na série Chaparral, dublou a personagem Vitoria, interpretada por Linda Cristal.


 Foi sempre escalada para dublar os convidados de diversas séries da época e filmes.



** Seu nome verdadeiro era Maria Áurea Mendes e faleceu em 07 de dezembro de 1987.



**Aqui, postamos um vídeo da série Daniel Boone, no qual Áurea Maria dubla Rebecca Boone:
video




***Marco Antônio dos Santos***

3 comentários:

Studio M disse...

Caros:Achei simplemente maravilhoso encontrar o blog da AIC são Paulo.As vozes do cast da AIC fizeram parte da minha infancia e até hj lembro me com muita saudade da frase: "versão brasileira AIc São Paulo".
Se puderem gostaria que visitassem meu blog.Sou artista na area de animação e desenvolvi um passatempo chamado "Arraste e brinque": é um passatempo animado interativo.Escolhi como tema "viagem ao fundo do mar" e fiz a voz de cada personagem tentando imitar os dubladores da AIC , como uma carinhosa homenagem.
http://merolasbrothers.blogspot.com
http://studiomcgproducoes.blogspot.com.
Agradeço a atenção e o respeito pela valiosa"dublagem antiga".
Marcelo Merola

Alguém disse...

Hoje pela manhã recebi um telefonema de meu pai, me informando sobre esse site e as lindas palavras que ele leu a respeito de sua irmã Aurea Maria.
E como bem disse o autor do texto, ela era realmente uma pessoa bem humorada, carinhosa e apaixonada pela família.
Ainda criança, eu a acompanhei durante a gravação de um comercial para uma grande marca de alimentos infantis. Sua exigência em deixar tudo perfeito era tão grande, que ela repetia com toda boa vontade durante horas o texto, e eu acabei decorando. Lembro até hoje de cada palavra. E me lembro também do quanto eu e minha irmã curtíamos ouvir o seu programa em uma rádio de São Paulo.

Em nome de toda a minha família, agradeço pelas palavras tão lindas e verdadeiras sobre a minha tia.

Claudia Mendes de Mello.

Adriana disse...

Sem duvida foi um presente minhas filhas sobrinhas neta de Aurea ficarão admirada em ouvir tão bela foz adorei...beijos Dri

Postar um comentário