3 de agosto de 2009

DUBLADOR EM FOCO (59): ARY DE TOLEDO




Assim como a maioria dos dubladores da década de 1960, Ary de Toledo também veio do Rádio, onde fora locutor. Assim, sua ida para a AIC foi uma consequência natural daqueles que tinham já um desempenho grande com a voz. Seu nome, até hoje, é confundido com o humorista Ari Toledo, onde às vezes, há informações nas quais se confundem ambos.


Ary de Toledo ficou eternizado na dublagem do Major West da série Perdidos no Espaço. Também, durante a série, já dirigia alguns episódios, alternando com Hélio Porto e outros.




**MAJOR WEST: A VOZ PERFEITA DE ARY DE TOLEDO**


Além desse personagem, foi o dublador de Greg Morris (Barney) nas três primeiras temporadas da série Missão Impossível e personificou maravilhosamente o gato Bacamarte, o qual perseguia o rato Chumbinho (dublado por Older Cazarré). Como Bacamarte ele fez uma voz muito adequada ao personagem que vivia numa fazenda. Outro personagem fixo foi o chefe Sharkey de Viagem ao Fundo do Mar, entretanto, não ficou até o término da série.



** A VOZ DE BARNEY (GREG MORRIS) EM MISSÃO IMPOSSÍVEL**


Um de seus últimos trabalhos na AIC, por volta de 1968, é no episódio "Destino: Terra" da série Terra de Gigantes, onde dubla um cientista. Nessa época, Ary de Toledo se transfere para o Rio de Janeiro, onde faz algumas participações nas dublagens da TV Cinesom, inclusive dublando Greg Morris na 4ª temporada da série que foi dublada por este estúdio.


**A voz de Gary Collins na série A Escuna do Diabo**
Nesse estúdio participou pouco tempo, pois na CineCastro surge um amplo trabalho na dublagem e como diretor também. Assim, eis que surgem: Pernalonga e Kung Fu.



No Brasil, o Pernalonga inicialmente teve cerca de dois dubladores (conhecidos) nas dublagens da CineCastro realizada na década de 1960 e no início da de 70, foram eles: Ary de Toledo (1ª voz) e Cauê Filho (2ª voz). 

Já Mário Monjardim (3ª voz) que se tornou mais conhecido por dublar Pernalonga durante mais tempo, e por ter sido o dublador oficial do personagem por mais de 20 anos, dublando no estúdio Herbert Richers.





Em 1973, na série Kung Fu, Ary de Toledo dirigia alguns episódios, porém , infelizmente, durante a dublagem veio a falecer, segundo consta em 1974, vítima de complicações de uma cirurgia de hérnia.



Um grande artista da voz, da interpretação que marcou uma geração nos estúdios de dublagem que integrou.


**VAMOS REVER ALGUMAS DUBLAGENS**




**O GATO BACAMARTE NO DESENHO "BACAMARTE E CHUMBINHO"



**Barney (Greg Morris) na série Missão Impossível**


**Marco Antônio dos Santos**

0 comentários:

Postar um comentário